| | |

Usar o próprio carro para evitar a COVID-19 é “péssima ideia”, adverte Greenpeace

Usar o carro para evitar o contágio é um risco muito pior do que o vírus. É a mensagem contundente que o Greenpeace lança para o Dia Sem Carros na Europa, celebrado nesta terça-feira (22). Um dia que relembra os perigos que o abuso dos automóveis implicam em termos de poluição, acidentes e equidade social, e que encerra a Semana Europeia da Mobilidade.

Greenpeace alerta que o medo do contágio fez com que a recuperação do tráfego rodoviário fosse muito mais rápida do que a dos transportes públicos e lembra que a poluição do ar é responsável por milhares de mortes prematuras por ano.


Publicação original

Para resguardar os direitos autorais da autoria, leia o restante da matéria e acesse os créditos do texto e da imagem/fotografia na publicação original:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *