|

“Bicicleta pode ser aliada na pandemia se houver atenção a desigualdades”

Foto: Juliana Vaz

“Enquanto uma das recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) é evitar aglomerações, São Paulo tem cerca de 22 milhões de pessoas vivendo na região metropolitana e grande parte passa horas no transporte público — pesquisa da Rede Nossa São Paulo de 2019 aponta uma média de 2 horas e 43 minutos. Prestes a relaxar a quarentena, a capital paulista se depara com um desafio grande: pensar a sua mobilidade […].”

___

Leia a matéria completa em sua publicação original.

Leia também:

“O que nos oferece a bicicleta neste Dia Mundial? Mensagem da União de Ciclistas do Brasil”

“Neste Dia Mundial da Bicicleta histórico, 3 de Junho de 2020, o quê a bicicleta nos oferece? Resiliência! A bicicleta está provando ao mundo inteiro neste momento da Pandemia que é um modal altamente resiliente. Uma ótima oportunidade para os governos cada vez mais investirem nos modais ativos, não como forma alternativa de deslocamento, mas continue lendo...…

Leia mais

“Economia e segurança: especialistas indicam a bicicleta como alternativa pós-pandemia”

“A frase pode até parecer um clichê, porém é fato que em situações de crise a humanidade costuma encontrar soluções para um momento específico, mas que podem também resolver outros problemas por mais que estejam enraizados na sociedade. E não faltam motivos para encarar as bicicletas como meio de transporte viável durante o período de continue lendo...…

Leia mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *